Pin It
Home » Entrevistas, Trilhas e Caminhadas em Petrópolis, Trilhas fora de Petrópolis » Caminhos da Serra do Mar – Entrevista com Leandro Goulart


Leandro Goulart

Leandro Goulart

Nossa entrevista de hoje é com Leandro Goulart, Chefe do Parque Nacional da Serra dos Órgãos desde 2011. Leandro conta pra gente nessa entrevista um pouquinho do projeto que vem coordenando, chamado Caminhos da Serra do Mar. O projeto é uma boa notícia para os montanhistas, peregrinos e aventureiros que gostam de caminhos longos com lindas vistas e ótimas aventuras.

Leandro se formou em agronomia na Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro em 2001 e no ano seguinte ingressou no IBAMA como Analista Ambiental. No início de sua vida profissional trabalhou no Espírito Santo em uma Reserva Biológica e, em 2008, já no ICMBio, ingressou no Parque Nacional da Serra dos Órgãos, na Coordenação de Proteção.
No fim da entrevista, reproduzimos na íntegra o texto de divulgação do projeto.

A primeira parte do caminho a ser percorrido será no Parque Nacional da Serra dos órgãos:
1º dia: Caminho do Ouro
2º dia: Travessia Cobiçado x Ventania
3º dia: Travessia Uricanal
4º dia: Travessia Petrópolis x Teresópolis
5º dia: Travessia Petrópolis x Teresópolis
6º dia: Travessia Petrópolis x Teresópolis

Vamos conhecer o projeto:

1- Como surgiu a ideia do projeto “Os Caminhos da Serra do Mar”?
A ideia do projeto surgiu analisando a malha de trilhas do Parque Nacional da Serra dos Órgãos em um curso de sinalização rústica no Parque Nacional da Tijuca, no início de 2012. Nesse curso, o instrutor e também Diretor do ICMBio, Pedro Menezes, citou diversas trilhas de longo percurso existentes mundo afora e sua importância na conservação ambiental e na obtenção de aliados para a conservação. A partir disso pensamos em formas de ligar nossas trilhas, já existentes, e que possuem um uso público desordenado, em um único caminho, e batizamos com o nome de Caminhos da Serra do Mar.

Grupo reunido para dar início ao projeto Caminhos da Serra do Mar

Grupo reunido para dar início ao projeto Caminhos da Serra do Mar


2- Quais são as etapas de desenvolvimento do projeto e suas respectivas datas esperadas de conclusão?
Esse projeto está sendo desenvolvido por uma equipe do PARNASO e por coordenadores voluntários, como montanhistas e monitores ambientais, e vem seguindo algumas etapas de implementação. Primeiramente realizamos uma visita de campo onde avaliamos in loco a possibilidade de união destas trilhas e formação de um caminho único. Percebemos nesta visita técnica a necessidade de levantarmos mais informações para a confecção de um guia e formamos um grupo para a realização de uma expedição, que contou com o apoio da Fundação SOS Mata Atlântica. Nesta expedição identificamos os atrativos, pontos de água, necessidade de sinalização, intervenções e facilitadores, além de pontos de apoio nas comunidades por onde o caminho passa. A próxima etapa será a confecção de um folder de divulgação, um guia e a instalação da sinalização. Esperamos concluir essa etapa até maio de 2013. A partir de então faremos todo o levantamento novamente, porém no Parque Estadual dos Três Picos, segundo núcleo do projeto. A ideia é o lançamento de um núcleo por ano.

1ª Expedição do projeto Caminhos da Serra do Mar

1ª Expedição do projeto Caminhos da Serra do Mar


3- Sobre os valores que os visitantes pagarão para percorrer o trajeto, eles serão divididos em partes onde a pessoa poderá escolher por onde entrar e onde sair?
Os três primeiros dias de caminhada serão percorridos de forma gratuita. Nestes pontos não há uma guarita de cobrança e a visitação, como dito anteriormente, não é ordenada e passará a ser com a inauguração dos Caminhos da Serra do Mar. Portanto, para percorrer o Caminho do Ouro, a Travessia Cobiçado Ventania e a Trilha Uricanal o caminhante, apesar de estar dentro do PARNASO, não pagará ingresso. A partir do quarto dia de caminhada o visitante deverá pagar o ingresso para a realização da Travessia Petrópolis Teresópolis e contará também com o apoio de serviços, como abrigos de montanha e campings durante o percurso, pagos a parte no caso de interesse.
O nosso objetivo com a abertura destas trilhas não é a arrecadação e sim a ordenação da visitação e a diminuição de crimes ambientais que hoje são praticados nestas localidades, como caça, extração de palmito e aprisionamento de pássaros silvestres. Os visitantes serão os nossos aliados!

Leandro Goulart falando sobre o projeto

Leandro Goulart falando sobre o projeto


4- Qual é o total aproximado em quilometragem e tempo a ser percorrido em cada um dos Parques Nacionais por onde passará o caminho?

Realizamos somente o levantamento do núcleo PARNASO e este conta com aproximadamente 70 km e será percorrido em 06 dias de caminhada. A partir daí, em 2013, realizaremos o levantamento do núcleo Três Picos, com o apoio da equipe da unidade e chegaremos a Salinas, com mais 6 dias de caminhada aproximadamente. Este é um projeto que não tem fim, quem sabe chegamos a Casimiro de Abreu, ou Vitória, vai depender da disposição de nossos caminhantes… trilhas existem!

Os Caminhos da Serra do Mar

Os Caminhos da Serra do Mar


5- Você disse que o projeto contará com um guia contendo informações como pontos de escape, hotéis, campings e etc. Quando ele será disponibilizado e como adquiri-lo?
Nossa ideia inicial é lançarmos um Folder de divulgação dos Caminhos da Serra do Mar em novembro de 2012, no evento de aniversário de 73 anos do Parque Nacional da Serra dos Órgãos. O Guia, que será lançado em Abril de 2013, fará menção ao núcleo PARNASO dos Caminhos, e conterá as principais informações sobre as trilhas, seus atrativos, possíveis áreas de camping, pontos de escape, mirantes, mapas e pontos de água potável e outros. Além disso, o guia será o passaporte do visitante e terá um espaço para o carimbo comprovando sua passagem pela trilha.
A principio, cada trecho terá um guia de bolso, até termos informações suficientes para a confecção de um livro guia. Como será a aquisição ainda não resolvemos, pois dependerá do recurso que será utilizado para a sua confecção e dos apoiadores do projeto.

O grupo durante a 1ª Expedição do projeto Caminhos da Serra do Mar

O grupo durante a 1ª Expedição do projeto Caminhos da Serra do Mar


6- Os parques por onde o caminho passará disponibilizarão pontos de apoio/abrigos para pernoites dentro da mata durante o trajeto, como é o caso atualmente dos abrigos do Açu e Sino, ou o visitante terá que sair da trilha para conseguir abrigo nas cidades?
Nos três primeiros dias a trilha passará por comunidades do entorno do PARNASO e sempre no final do trajeto haverá a disponibilidade de serviços para os caminhantes, como hotéis, pousadas, campings ou albergues. Pernoitar na trilha, também será uma opção para aqueles que curtem esse tipo de aventura e para isso estamos mapeando áreas propícias e provavelmente utilizaremos as áreas que hoje são usadas por caçadores. Nos três dias finais a infraestrutura disponível é a do PARNASO, com dois abrigos de montanha e áreas de camping.

Primeira Expedição Caminhos da Serra do Mar

Primeira Expedição Caminhos da Serra do Mar


7- A camisa com a divulgação do projeto pode ser adquirida por qualquer pessoa?
A camisa foi produzida para a expedição e todos os participantes ganharam um exemplar de cada cor, para utilização nos três dias de caminhada e contou com o patrocínio da Fundação SOS Mata Atlântica. Pensamos em fazer um número maior, devido a procura ter sido imensa, porém ainda estamos procurando patrocinadores. A ideia é a produção de camisas com malha de algodão orgânico ou garrafas pet e a disponibilização para aqueles que completarem todo o percurso.

O grupo em uma das trilhas que fazem parte desse projeto

O grupo em uma das trilhas que fazem parte desse projeto


Quem quiser ficar por dentro do desenvolvimento do projeto, pode acompanhar o Caminhos da Serra do Mar no Facebook.

DIVULGAÇÃO

Caminhos da Serra do Mar já é realidade
Entre os dias 12 e 14 de setembro de 2012, a equipe do Parque Nacional da Serra dos Órgãos, localizado em Teresópolis (RJ), juntamente com montanhistas e outros colaboradores, realizou a 1ª Expedição Oficial dos Caminhos da Serra do Mar.
Os Caminhos da Serra do Mar é o nome de um projeto de criação de uma trilha de longa duração, em consonância com o Projeto Travessias do ICMBio Sede, que percorrerá diversos municípios e cortará algumas das unidades de conservação do Mosaico da Mata Atlântica Central Fluminense. Entre os ambientes visitados durante todo o percurso têm destaque os diversos ecossistemas associados ao bioma Mata Atlântica, como mata de encosta, campos de altitude, além de paredões rochosos, picos, poços e cachoeiras.

Grupo percorrendo os primeiros Caminhos da Serra do Mar

Grupo percorrendo os primeiros Caminhos da Serra do Mar

O principal objetivo de criação desta trilha é o de favorecer a conservação ambiental na Serra do Mar, integrando diversas unidades do mosaico e conferindo ao uso público ordenado dos espaços protegidos uma estratégia de conservação. Além disso, os Caminhos da Serra do Mar serão espaços para a prática de montanhismo, caminhadas, contemplação, recreação e lazer.
Os Caminhos da Serra do Mar serão desenvolvidos em núcleos, considerando as UCs envolvidas e a capacidade técnica de implementação. O primeiro núcleo será o Parna Serra dos Órgãos, seguido pelo Núcleo Três Picos. O objetivo é o levantamento e a abertura de um núcleo por ano, sendo do primeiro núcleo prevista para maio de 2013.
A expedição, que contou com a participação de 19 pessoas, teve como principal objetivo o levantamento de informações para a confecção de um guia e sobre a necessidade de intervenções como manejo, sinalização, implantação de facilitadores, dentre outras. Durante os três dias, a equipe percorreu cerca de 36 km em trilhas no interior do Parna e na sua zona de amortecimento realizando além do levantamento, a identificação de pontos de apoio nas comunidades, como meios de hospedagem, alimentação, transporte e outros serviços úteis aos caminhantes.
Ao todo o caminho, no núcleo desse parque, terá 68 km e poderá ser percorrido em até seis dias. Em seus trechos, o Caminho do Ouro, a Travessia Cobiçado x Ventania, a Trilha Uricanal, e na Travessia Petrópolis xTeresópolis o caminhante poderá contar com sinalização adequada, descrição das trilhas e comprovará sua caminhada com um carimbo em seu “passaporte”.
“A ideia é que esta seja uma trilha de longo percurso, em que tenhamos maior proteção da unidade de conservação. Hoje algumas dessas trilhas são usadas por caçadores e extratores de palmito, e com apoio dos caminhantes poderemos mudar essa realidade. Durante a expedição mapeamos diversos problemas que devem ser sanados com ações de proteção e de educação ambiental e com maior presença da equipe da UC nesses trechos, uma das prioridades desta gestão”, destacou Leandro Goulart, chefe do Parque Nacional da Serra dos Órgãos

Aqui o primeiro vídeo oficial do projeto:

Gostou do artigo? Dê um “curtir” e compartilhe com seus amigos!


Siga-nos no Twitter: @viagensandancas (www.twitter.com/viagensandancas)
Curta o Viagens & Andanças no Facebook: www.facebook.com/viagenseandancas

    Receba nossas atualizações por e-mail:



4 Responses to Caminhos da Serra do Mar – Entrevista com Leandro Goulart

  1. Ju Santos disse:

    Já fiz a Petrô x Terê e achei bem cascuda. Não conheço as outras trilhas que você fala, mas acho que deve ser muito cansativo andar 3 dias e depois ainda encarar a Petrô x Terê. Continuar depois dela aí que acho mais pesado ainda. Quando terminei a travessia eu só queria banho e cama. :)
    Achei o projeto diferente e legal, mas não é pra qualquer um!

    • Camila Guerra disse:

      Oi Ju Santos,
      Realmente a Travessia Petrópolis x Teresópolis não é das mais fáceis. Mas acho que tudo depende do preparo físico, tempo disponível, disposição e planejamento. O caminhante vai precisar descansar bastante entre as trilhas para poder percorrer todo o caminho bem e aproveitar a aventura. Deixar alguns dias extras no planejamento é uma boa idéia para o caso de precisar de mais de uma noite de descanso para recuperar as energias. O visual é compensador. ;)
      []’s

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Scroll to top